vale tudo no marketing online?

Vou resumir o post para você que está com preguiça de ler: NÃO.

A polêmica da vez é com a rede de cosméticos Sephora. Esta é uma rede gigantesca lá fora, fatura muito vendendo online e começou suas operações físicas no Brasil há alguns meses. E no intuito de criar sua clientela, parece que a Sephora errou a mão na sua estratégia de marketing.

A empresa teria contratado três blogueiras, com certo nome por aí, para falar bem dos produtos vendidos pela Sephora. Thassia Naves, Mariah Bernardes e Lala Rudge teriam recebidos produtos de ‘presente’ e indicado às suas leitoras. Prática proibida pelos órgãos reguladores da publicidade no Brasil. Você pode até fazer um post puxando a sardinha para a marca X ou Y, desde que explicite que é uma publicação patrocinada. Coisa que nenhuma das três o fez.

Agora o bate-boca está rolando solto nos três blogs. Mas aí vem os problemas:

. outros blogs não fazem o mesmo?

. os leitores sem incomodam com isso?

. os blogueiros acham que é correto? Pela pesquisa realizada pelo Meio & Mensagem, sim. Mais de 70% acham legítimo a compra de tweets ou posts. Quando tiver tempo, leia com carinho os resultados desta pesquisa.

. eu deveria fazê-lo, já que todos fazem? Aí é a ética de cada um. E quando se trata de dinheiro, a ética geralmente fica dentro da gaveta.

E isso rola em blogs de moda, tecnologia, ou qualquer um que tenha muitos acessos e faça recomendações ou análise de produtos. É uma relação pra lá de perversa.

Mas, no fim das contas, fica a pergunta:

Valeu a pena?

[atualização]

O Conar viu algo estranho, mas não puniu ninguém. Só um puxão de orelha. Dá uma olhada.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *